quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Ego

   Ele olhava ao redor e enxergava apenas seus feitos. No espelho, via nitidamente seus contornos, e tudo o que havia em volta se encontrava em desfoque.
   No mundo inteiro, não havia pessoa alguma que chegasse aos seus pés. O amor próprio era como uma palavra-chave em sua vida.
   O homem não tinha amigos, já que nenhum era digno de sua companhia. Orgulhoso como sempre, não se importava com isso. Seu eu bastava a si mesmo.

8 comentários:

  1. Dei com seu blog, e seu texto, por acaso. Gostei. Sou recém-entrado neste mundo da Blogosfera e fico esperançoso quando vejo
    gente tão jovem declarando seu amor pela
    leitura e a escrita. Um bom ano pra você.

    www.valedoverbo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Adorei a mensagem, realmente é verdade o orgulho toma conta de nos de uma tal forma ,que se torna impossível até cultivar uma amizade.

    ResponderExcluir
  3. MUITO LINDO E VDD ISSO,CARAMBA VC ESCREVE MUITO BEM.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...