sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Um conto chinês


  Quinta-feira passada, havíamos marcado de ir ao cinema às 19 h para ver o filme Um conto chinês. Chegando lá, com tudo pronto para comprar os ingressos, descobrimos que a sessão fora cancelada. O motivo? A sala em que o filme seria exibido estava alugada para um casamento. Os convidados estavam chegando, de roupa social, e um fotógrafo capturava cenas no saguão de entrada. Depois de uma longa espera, a noiva subiu a escada rolante de véu e grinalda, encontrando seu futuro esposo no piso superior, ao som de uma música de circo.
  De onde essa música surgiu? Ao mesmo tempo em que o casamento estava para acontecer, um circo funcionava dentro do shopping. As crianças gargalhavam com a apresentação do Homem Foca. Ele fazia malabarismos e truques de equilíbrio, acompanhado de sua assistente.
   Remarcamos para outro dia, mas imprevistos aconteceram e novamente, não foi possível assistir ao filme.
   Ontem, conseguimos, finalmente. Eu não estava com grandes expectativas, porém me surpreendi. Um conto chinês trabalha a questão do absurdo, das coisas inusitadas que acontecem em nosso cotidiano.

3 comentários:

  1. Ah, e esse filme tem palavrões em espanhol também =D

    ResponderExcluir
  2. é as vezes a vida vem e do nada muda todos os planos de uma hora,um dia uma semana...bjks seguindo aqui

    ResponderExcluir
  3. Uaaaau, eu adoro os absurdos-fantásticos da vida.

    Fiquei curiosa para saber do casamento no cinema. =)

    Já viu um pedido de casamento feito no cinema? Achei lindinho, lindinho:

    http://youtu.be/6WMDcwUAVL4

    B-joletas

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...